Contrato de Sociedade N.º SN/1978 de 18 de Julho

 
TRECHO GRÁTIS

S.A.L. - SOCIEDADE DE SERVIÇO AÉREO, LDA

Contrato de Sociedade Nº SN/1978 de 18 de Julho

Aos vinte e quatro de Janeiro de mil novecentos e setenta e oito, na Secretaria Notarial de Ponta Delgada, perante mim, Licenciado Mário Ribeiro Peixoto de Magalhães, notário do Primeiro Cartório, compareceram como outorgantes:

PRIMEIRO: - Celestino Jorge da Cruz Galego, casado com Maria do Rosário Alves de Almeida, sob o regime da comunhão geral de bens, natural da freguesia da Sé Nova, concelho de Coimbra, residente habitualmente na rua Damião de Góis nº 5, 2.º direito, da cidade de Lisboa, o qual outorga por si e como procurador, com poderes digo Lisboa, Maurício Cardoso Fernandes Palha, solteiro, maior, natural da freguesia da Encarnação, concelho de Lisboa, e Eduardo Augusto Rodrigues Osório, casado no regime da comunhão geral de bens com Susana Edite Pinto Rebocho Osório, natural de Luanda, Angola, residentes na Rua Carlos Calisto, nº 3, direito, 7.º andar, Lisboa.

SEGUNDO: - José Manuel Casanho Braizinha, casado com Maria Emilia Sim-Sim Galindo, sob o regime da comunhão geral de bens, natural da freguesia de Campo Grande, da cidade de Lisboa, e residente habitualmente na Canadá do Borralho lugar do Pópulo freguesia do Livramento deste concelho.

Verifiquei a identidade dos outorgantes por meu conhecimento.

E POR ELES FOI DITO QUE, PELA PRESENTE ESCRITURA E NAS QUALIDADES EM QUE OUTORGAM CONSTITUEM UMA SOCIEDADE COMERCIAL POR QUOTAS E RESPONSABILIDADE LIMITADA, nos termos das cláusulas constantes dos artigos seguintes:

CAPÍTULO PRIMEIRO

DENOMINAÇÃO, SEDE E OBJECTO

ARTIGO PRIMEIRO: - A sociedade adopta a designação de «S.A.L. - SOCIEDADE DE SERVIÇO AÉREO, LDA», e durará por tempo indeterminado a contar da data da sua fundação.

ARTIGO SEGUNDO: - UM - A sociedade terá a sua sede na Praia do Pópulo, Ponta Delgada, e as sucursais, agências, delegações ou quaisquer outras espécies de representação social, onde, quando e nas condições que o conselho de Gerência decidir.

DOIS: - Quando os interesses da sociedade o aconselham, a sede social poderá ser mudada para qualquer outro local, por simples deliberação do conselho de Gerência.

ARTIGO TERCEIRO: - UM - O objecto social é a prestação de serviços aéreos, genericamente considerados, e nomeadamente os coadjuvantes da indústria da pesca e do turismo.

DOIS - Por simples deliberação do Conselho de Gerência, poderá a sociedade dedicar-se a qualquer outro ramo de comércio, indústria, agricultura ou pecuária.

CAPITULO SEGUNDO

CAPITAL SOCIAL, QUOTAS E PRESTAÇÕES SUPLEMENTARES

ARTIGO QUARTO:- UM - O capital social é de «CINQUENTA MIL ESCUDOS», e está integralmente subscrito e realizado em dinheiro.

DOIS: - São os sócios da sociedade:

Celestino Jorge da Cruz Galego, com uma...

Para continuar a ler

PEÇA SUA AVALIAÇÃO