Constituição de Associação N.º 16/2007 de 11 de Outubro

 
TRECHO GRÁTIS

ASSOCIAÇÃO DESPORTIVA E CULTURAL DOS FUNCIONÁRIOS DA POLÍCIA JUDICIÁRIA DE PONTA DELGADA

Certifico que a presente cópia composta por seis folhas, foi extraída da escritura lavrada de fls. 22 a fls. 23 e documento complementar do livro de notas para escrituras diversas n.º 300-G.

No dia 22 de Agosto de 2007, no 2.º Cartório da Secretaria Notarial, perante mim, Angelina Maria Mateus Silva Vasconcelos Borges, ajudante principal, no pleno exercício de funções notariais, por a respectiva notária Lic.ª Maria Margarida Maciel Freire d'Andrade, se encontrar ausente por motivo de doença, compareceram a outorgar:

  1. Eurico Manuel Pinheiro da Cruz, casado, natural da freguesia de São Jorge de Arroios, concelho de Lisboa, residente na Praça Gonçalo Velho Cabral, n.º 9, freguesia de São Sebastião da cidade e concelho de Ponta Delgada, titular do bilhete de identidade n.º 5190402 emitido em 8 de Outubro de 2001, pelos S.I.C. de Lisboa.

  2. José Pedro Alves Cardoso, solteiro, maior, natural da freguesia e concelho da Povoa do Varzim, residente também na Praça Gonçalo Velho Cabral, n.º 9, titular do bilhete de identidade n.º 10739433, emitido em 11 de Abril de 2005, pelos S.I.C. de Lisboa.

  3. Paulo do Nascimento Amaral Ferro, divorciado, natural da freguesia e concelho da Povoação, residente com os anteriores outorgantes, titular do bilhete de identidade n.º 7397041, emitido em 9 de Abril de 2002 pelos S.I.C de Ponta Delgada.

    Verifiquei a identidade dos outorgantes em face da exibição dos seus indicados bilhetes de identidade.

    E, por eles foi dito:

    Que, como associados fundadores, pela presente escritura promovem a constituição de uma pessoa colectiva sem fins lucrativos, na forma de associação, que adopta a denominação de:

    “ASSOCIAÇÃO DESPORTIVA E CULTURAL DOS FUNCIONÁRIOS DA POLÍCIA JUDICIÁRIA DE PONTA DELGADA”, abreviadamente designada por” ADCFPJPD”, a qual tem sede na Praça Gonçalo Velho Cabral, n.º 9, freguesia de São Sebastião, da cidade e concelho de Ponta Delgada, e que tem como objecto a promoção de realizações de carácter cultural, desportivo e recreativo entre os funcionários no activo e aposentados, da Polícia Judiciária colocados no departamento de investigação criminal de Ponta Delgada.

    Que esta associação se regerá pelos estatutos que constam do documento complementar anexo, elaborado nos termos do n.º 2 do artigo 64.º do código do notariado.

    Que conhecem perfeitamente o conteúdo do referido documento complementar pelo que dispensam a sua...

Para continuar a ler

PEÇA SUA AVALIAÇÃO